Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Investimentos

18 de Novembro de 2017 as 01:11:04



INVESTIMENTOS - NATURA - Resultados no 3º trimestre/2017



NATURA - Resultados do 3º Trimestre de 2017 e Atualização de Preços
 
Trimestre Sólido; confirmando a nossa recomendação de Desempenho Outperform
 
A Natura lançou resultados positivos do 3T17, levando em conta um mês de números do The Body Shop (TBS). Desconsiderando esse efeito, os números chegaram acima de nossa previsão em vendas (+ 1,2% A/E) e EBITDA Ajustado (+ 18,2% A/E).
 
A única exceção foi a linha de fundo (-39,2% A/E), refletindo despesas financeiras superiores às estimadas, dado o maior endividamento e resultado desfavorável de instrumentos derivados.
 
O trimestre também foi o mercado por um efeito positivo da provisão de reversão de impostos do IPI, como resultado de uma jurisprudência favorável sobre o desafio legal da empresa na cobrança de impostos.
 
Assim, a Receita Líquida registrou um efeito positivo de R$ 66 milhões, Lucro Bruto de R$ 57 milhões e Lucro Líquido de R$ 26 milhões.
 
As vendas brutas no mercado interno foram uma surpresa positiva, crescendo 4,4% aa no trimestre e 2,2% acima de nossas expectativas, com a produtividade do representante e os volumes aumentando nas vendas diretas e o comércio eletrônico crescendo em três dígitos.
 
Outro destaque positivo foi o ganho da Margem Bruta, refletindo uma melhor combinação de vendas, além da reversão da provisão de impostos do IPI. De acordo com a divulgação de resultados, no Brasil, as fragrâncias continuaram a realizar acima, os presentes permaneceram com um desempenho forte e as categorias de corpo registraram um excelente volume de vendas durante o 3T17.
 
Ao mesmo tempo, as operações de Latam e Aesop continuaram apresentando resultados sólidos. Quanto ao TBS, sua margem EBITDA foi compatível com as expectativas do mercado, em torno de 5%.
 
A geração de fluxo de caixa livre manteve-se melhorando, por trás de um melhor capital de giro, e cresceu 379,1% aa nos 9M17, mesmo contra as pressões decorrentes da aquisição do SCT. Finalmente, o índice de Dívida Líquida / EBITDA atingiu 3,5x, contra a previsão anterior da administração de 3,6x.
 
Em suma, acreditamos que a Natura finalmente atingiu um ponto de inflexão no desempenho de suas vendas no Brasil, enquanto os outros mercados continuaram mostrando resultados sustentáveis.
 
Assim, para incorporar os resultados do 3T17 e as previsões para o negócio do TBS, analisamos nosso modelo de avaliação. Também transportamos o nosso preço para YE18, ​​que atingiu R$ 47,00 (a partir de R$ 36,00 anterior do ano anterior).
 
Nós permanecemos otimistas no caso de investimento da empresa no longo prazo, nos mercados doméstico e internacional. Além de melhores perspectivas macro domésticas, as iniciativas internas da empresa têm se traduzido em aceleração de vendas e ganhos de lucratividade, especialmente no Brasil.
 
É verdade que a aquisição do TBS pode representar uma distração no início, mas acreditamos que ele vai empurrar a empresa para um nível de competitividade diferenciado.
 
As vendas no Brasil vieram sólidas.
 
A receita bruta consolidada cresceu 20,6%, incluindo as vendas da TBS de R $ 355 milhões e a reversão de R $ 66 milhões do imposto IPI incorridos durante o ano.
 
Desconsiderando esses efeitos, as Receitas brutas consolidadas aumentaram 7,2% ano/ano, para BRL 2,5 bilhões (+ 1,2% A / E). No Brasil, as vendas cresceram 4,4% ano/ano no trimestre (ou + 0,8% ano/ano desconsiderando o efeito de reversão do IPI), refletindo um aumento impressionante de 15,4% aa na produtividade dos consultores, o que levou a um aumento de 3,7 % ano/ano no volume vendido.
 
No entanto, o número de consultores continuou caindo: -9,0% aa no trimestre, para 1,2 milhões.
 
Em Latam, as vendas cresceram 18,9% ano/ano em moeda local, com expansão de volume de 0,7% aa e o número de consultores em 7,4% aa, mas uma taxa de câmbio ainda desfavorável levou a um aumento de apenas 12,2% ano/ano em termos Reais Quanto à Aesop, as vendas cresceram 20,3% aa em moeda local e 21,9% aa em Reais, refletindo um crescimento de SSS de 12% aa e a abertura de 27 novas lojas na LTM.
 
 
Confira no anexo a íntegra do relatório de análise do desempenho da NATURA no 3º trimestre/2017 elaborado por PAULA CANTUSIO, CNPI, analista senior da equipe do BB Investimentos.

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: PAULA CANTUSIO, CNPI, analista senior da equipe do BB Investimentos.





Indique a um amigo     Imprimir    Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


 Outras notícias.
INVESTIMENTOS - O Mercado na 6ª feira: Bolsa sobe 0,25% e Dólar cai a R$ 3,307 16/12/2017
INVESTIMENTOS - O Mercado na 6ª feira: Bolsa sobe 0,25% e Dólar cai a R$ 3,307
 
INVESTIMENTOS - Renda Fixa - Mercado Secundário de Debêntures em 14.12 16/12/2017
INVESTIMENTOS - Renda Fixa - Mercado Secundário de Debêntures em 14.12
 
INVESTIMENTOS - O Mercado na 5ª feira: Bolsa cai -0,67%; Dólar sobe a R$ 3,336 15/12/2017
INVESTIMENTOS - O Mercado na 5ª feira: Bolsa cai -0,67%; Dólar sobe a R$ 3,336
 
INVESTIMENTOS - O Mercado na 2ª feira: Bolsa caiu 1,22%, Dólar cai a R$ 3,322 14/12/2017
INVESTIMENTOS - O Mercado na 2ª feira: Bolsa caiu 1,22%, Dólar cai a R$ 3,322
 
BOLETIM FOCUS de 11.12.2017 - Comentários pela equipe do BB Investimentos 11/12/2017
BOLETIM FOCUS de 11.12.2017 - Comentários pela equipe do BB Investimentos
 
INVESTIMENTOS - O Mercado Estável na 2ª feira: Ibovespa aos 72.800 pts e Dólar aos R$ 3,299 11/12/2017
INVESTIMENTOS - O Mercado Estável na 2ª feira: Ibovespa aos 72.800 pts e Dólar aos R$ 3,299
 
INVESTIMENTOS - O Mercado na 3ª feira: Bolsa sobe 1,39%, Dólar sobe a R$ 3,326 12/12/2017
INVESTIMENTOS - O Mercado na 3ª feira: Bolsa sobe 1,39%, Dólar sobe a R$ 3,326
 
INVESTIMENTOS O  Mercado na 6ª feira, 08.12: Ibovespa sobe 0,34%; Dólar sobe a R$ 3,2960   09/12/2017
INVESTIMENTOS O Mercado na 6ª feira, 08.12: Ibovespa sobe 0,34%; Dólar sobe a R$ 3,2960
 
INVESTIMENTOS Mercado na 5ª feira, 07.12.2017: Ibovespa cai 1.07%. Dólar sobe a R$ 3,2890 08/12/2017
INVESTIMENTOS Mercado na 5ª feira, 07.12.2017: Ibovespa cai 1.07%. Dólar sobe a R$ 3,2890
 
INVESTIMENTOS O Mercado na 5ª feira, 30.11: Ibovespa cai 1,0%. Dólar sobe a R$ 3,27 30/11/2017
INVESTIMENTOS O Mercado na 5ª feira, 30.11: Ibovespa cai 1,0%. Dólar sobe a R$ 3,27
 
JORNAL FRANQUIA - Todos os direitos reservados 2009