Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Internacional

18 de Dezembro de 2017 as 05:12:06



ARGENTINA Batalha Campal nas ruas de Buenos Aires contra Reforma da Previdência de Macri



ARGENTINA – Batalha Campal nas ruas de Buenos Aires contra Reforma da Previdência
 
Na última 6ª feira, 15.12.2017, aconteceu verdadeira batalha campal nas ruas de Buenos Aires, com 1.500 soldados atirando bombas de gás lacrimogeo e balas de borracha sobre a população argentina que saiu em movimento contra a votação, no Congresso Argentino, naquela mesma tarde, de transformações no sistema de aposentadoria governamental. Não faltaram caminhões pipa e seus jatos de água sobre a população.
 
 
Aconteceu a mobilização do povo argentino prometida pelos sindicatos.  O presidente Macri acreditava ter os 129 votos necessários para passar a reforma da previdência. 
 
O presidente do Congresso, Emilio Monzó, liderava os trabalhos e buscou conduzir a votação.
 
 
Mas, as imagens pela TV de grande violência nas ruas e, internamento no Congresso, gritos, empurrões e os pedidos insistentes de parlamentares pela suspensão da votação, fizeram com que Monzó paralisasse os trabalhos. Antes, parlamentares kirchneristas aproximaram-se da mesa e aos gritos, empurrões e tapas no microfone tentaram impedir o início dos trabalhos.
 
 
Dentro do Congresso se escutava tiros dos policiais em manifestantes, com balas de borracha, gritos, palavras de ordem ... 1.500 policiais tiveram muito trabalho.
 
Os indicativos eram de todo o apoio do Congresso á proposta de Macri, mas a violência das ruas atingiu e feriu dois deputados de oposição que haviam também saído às ruas para prestar solidariedade aos manifestantes.
 
 
Terminou também em gritos e socos a seção anterior do Congresso, realizada na 3ª feira, 12.12, em que foi programada essa seção de 6ª feira, 15.12. 
 
Importante observar que nesta mesma 6ª feira havia acontecido em Buenos Aires o encontro para discussão do Acordo entre a União Europeia e o Mercosul. A Argentina ocupa no momento a presidência do Mercosul e o governo argentino esperava concluir essa negociação, bem como ter aprovada sua reforma da previdência.  
 
Macri sofreu duro revés e os sindicatos de trabalhadores marcaram um ponto ... e deram belo exemplo ao letárgico povo brasileiro que assiste inerte o desmonte dos mecanismos de proteção social do Estado Brasileiro pelo governo Temer.
 


Fonte: da Redação, com informações das agências internacionais e do jornal El Pais





Indique a um amigo     Imprimir    Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


 Outras notícias.
BANCO MUNDIAL reconhece manipulação de dados contra o governo socialista de Michelle Bachelet 16/01/2018
BANCO MUNDIAL reconhece manipulação de dados contra o governo socialista de Michelle Bachelet
 
PAPA FRANCISCO chega ao Chile 15/01/2018
PAPA FRANCISCO chega ao Chile
 
RODRIGO MAIA manda recados em viagem oficial aos EUA 15/01/2018
RODRIGO MAIA manda recados em viagem oficial aos EUA
 
HAWAI em Pânico por falso alarme de Míssel Balístico 14/01/2018
HAWAI em Pânico por falso alarme de Míssel Balístico
 
Trump chama Haiti, El Salvador e países africanos de Buracos de Merda 12/01/2018
Trump chama Haiti, El Salvador e países africanos de Buracos de Merda
 
MALTRATO INFANTIL Governo da Etiópia proíbe adoção internacional de crianças 11/01/2018
MALTRATO INFANTIL Governo da Etiópia proíbe adoção internacional de crianças
 
CANNABIS SATIVA - Portugal discute legalização do uso medicinal 09/01/2018
CANNABIS SATIVA - Portugal discute legalização do uso medicinal
 
URUGUAI Greve Geral de Trabalhadores: Saúde, Bancos, Transportes e Funcionalismo Público 09/01/2018
URUGUAI Greve Geral de Trabalhadores: Saúde, Bancos, Transportes e Funcionalismo Público
 
THERESA MAY muda gabinete no Reino Unido 09/01/2018
THERESA MAY muda gabinete no Reino Unido
 
REFORMA FISCAL DE TRUMP traz subsídios à Produção Agrícola dos EUA 04/01/2018
REFORMA FISCAL DE TRUMP traz subsídios à Produção Agrícola dos EUA
 
JORNAL FRANQUIA - Todos os direitos reservados 2009