Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Investimentos

09 de Janeiro de 2018 as 03:01:38



INVESTIMENTOS O Mercado na 2ª feira: Bolsa sobe a 79.378 pts e Dólar, a R$ 3,238



Diario do Mercado na 2ª feira, 08.01.2018
 
Ibovespa registra 11º avanço consecutivo, com novo recorde
 
 
Resumo.
 
O ano começou bem na bolsa brasileira, dando prosseguimento ao rali iniciado na reta final de 2017. Já são onze pregões seguidos de alta, melhor sequência do índice desde 2010.
 
Os recordes intradiário e de fechamento também têm sido sucessivamente renovados, alçando o Ibovespa acima dos 79 mil pts. O rali vem refletindo as boas perspectivas com retomada da economia doméstica, a aposta dos investidores estrangeiros no país – traduzida pelo representativo ingresso líquido de capital no ano – e o otimismo generalizado nos principais mercados mundo afora.         
 
 
Ibovespa.
 
A despeito de ter navegado majoritariamente em campo negativo na sessão desta segunda-feira, o índice deu continuidade ao seu extenso rali de alta, firmando-se no patamar dos 79 mil pts e renovando recordes.
 
menos de duas horas para o fim do pregão o Ibovespa passou a registrar máximas, encerrando próximo do topo intradiário. Vale, Petrobras e o setor de siderurgia puxaram a alta do índice. Na outra ponta, Itaú, Ambev e alguns papéis de companhias do setor de varejo recuaram.
 
O Ibovespa encerrou aos 79.378 pts (+0,39%), acumulando +0,39% na semana, +3,90% no ano e +28,73% em 12 meses. O volume preliminar da Bovespa foi de R$ 7,404 bilhões, sendo R$ 7,160 bilhões no mercado à vista.
 
 
Capitais Externos na Bolsa.
 
Na 5ª feira, 04.01, os investidores estrangeiros ingressaram com R$ 384,854 milhões na bolsa – nona sessão consecutiva com ingresso líquido de recursos. No ano, o saldo líquido de capital estrangeiro acumula entrada de R$ 1,591 bilhão.
 
 
Agenda Econômica.
 
No Brasil, o IPC-S (FGV) acelerou a +0,31% na primeira quadrissemana do ano, contra variação de +0,21 na leitura anterior – com consenso em +0,28%. Na zona do euro, as vendas no varejo subiram +1,5% em novembro, ante recuo de -1,10% em outubro – sendo a projeção de +1,3%. Na comparação anual, o índice avançou +2,8% em novembro, frente a oscilação de +0,20% na leitura anterior – acima da variação aguardada pelo mercado de +2,40%.
 
 
Focus.
 
A virada do ano trouxe poucas novidades para o cenário projetivo extraído do relatório Focus do Bacen. Ao passo que as variáveis para 2017 vão chegando próximas de suas divulgações finais, deixando um espaço bastante limitado para surpresas; para o ano de 2018, o horizonte já embute significativas melhoras ocorridas nas últimas semanas, em especial PIB, mas também Selic e inflação.   
 
 
Câmbio e CDS.
 
Em sessão com certa volatilidade, o dólar comercial (interbancário) alternou tendência no decorrer do dia. No exterior, as principais moedas emergentes perderam força, e o real passou a desvalorizar a caminho do fim do pregão.
 
O dólar encerrou cotado a R$ 3,2380 (+0,15%), acumulando +0,19% na semana, -2,32% no ano e +0,59% em 12 meses.
 
 
Risco País.
 
O risco medido pelo CDS Brasil 5 anos teve ligeiro recuo a 146 pts, ante 147 pts da véspera.
 
 
Juros.
 
Embora tenham registrado alta pela manhã, as taxas de longo prazo encerraram a sessão regular em baixa moderada, enquanto as demais encerraram próximos à estabilidade. 
 
 
Para a terça-feira.
 
Brasil: IGP-DI (FGV), vendas no varejo, vendas no varejo ampla; Alemanha: produção industrial, balança comercial, exportações SAZ e importações SAZ. França: balança comercial; zona do euro: taxa de desemprego; China: IPP e IPC.
 
 
Confira no anexo a integra do relatório de análise do comportamento do mercado na 2ª feira, 08.01.2017, elaborado por RICARDO VIEITES, CNPI, e RAFAEL REIS, CNPI-P, ambos integrantes da equipe do BB Investimentos

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: RICARDO VIEITES, CNPI, e RAFAEL REIS, CNPI-P, ambos integrantes da equipe do BB Investimentos





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
O MERCADO, 6ª feira: Temor de Recessão fez Ibovespa sucumbir às Quedas das Bolsas em NY 08/12/2018
O MERCADO, 6ª feira: Temor de Recessão fez Ibovespa sucumbir às Quedas das Bolsas em NY
 
O MERCADO 5ª feira: Ibovespa fecha em 88.846 pts (-0,22%). Dólar sobe a R$ 3,880 06/12/2018
O MERCADO 5ª feira: Ibovespa fecha em 88.846 pts (-0,22%). Dólar sobe a R$ 3,880
 
PAPEL E CELULOSE - Análise do Desempenho das Empresas do Setor na Bolsa e Prognósticos 06/12/2018
PAPEL E CELULOSE - Análise do Desempenho das Empresas do Setor na Bolsa e Prognósticos
 
O MERCADO 4ª feira: Ibovespa sobe mesmo com baixa na Europa e NY 06/12/2018
O MERCADO 4ª feira: Ibovespa sobe mesmo com baixa na Europa e NY
 
O MERCADO na 3ª feira: Baixa Global por Temores de Recessão nos EUA 05/12/2018
O MERCADO na 3ª feira: Baixa Global por Temores de Recessão nos EUA
 
ULTRAPAR Resultado no 3º Trimestre/2018: Neutro. Alguma Recuperação a Caminho 04/12/2018
ULTRAPAR Resultado no 3º Trimestre/2018: Neutro. Alguma Recuperação a Caminho
 
TAESA Resultado no 3ºTrimestre /2018 Queda da Receita Líquida, Alavancagem Estável 04/12/2018
TAESA Resultado no 3ºTrimestre /2018 Queda da Receita Líquida, Alavancagem Estável
 
CNS   Resultado no 3º trimestre / 2018: Positivo 04/12/2018
CNS Resultado no 3º trimestre / 2018: Positivo
 
O MERCADO na 2ª feira: Trégua na Guerra Comercial favorece Novo Recorde do Ibovespa 04/12/2018
O MERCADO na 2ª feira: Trégua na Guerra Comercial favorece Novo Recorde do Ibovespa
 
GUIA DE AÇÕES  Conheça aqui as cotações de 30.11. Programe seu Investimento  01/12/2018
GUIA DE AÇÕES Conheça aqui as cotações de 30.11. Programe seu Investimento
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites
JORNAL FRANQUIA - Todos os direitos reservados 2009