Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Internacional

01 de Dezembro de 2018 as 02:12:25



T-MEC - EUA, México e Canadá assinam Acordo Comercial em substituição ao NAFTA



EUA, México e Canadá assinam acordo comercial T-MEC em Buenos Aires
 
 
Após 13 meses e meio desde o início de sua negociação, os presidentes Enrique Peña Nieto, Donald Trump e Justin Trudeau assinaram nesta 6ª feira, 30.11, em Buenos Aires o Tratado entre México, EUA e Canadá (T-MEC) para substituir o gratuito NAFT Comércio da América do Norte (NAFTA).
 
"Esta tem sido uma batalha",
 
Trump reconheceu em palavras à imprensa antes da assinatura.
 
"Queremos declarar formalmente a intenção de substituir NAFTA com o novo Acordo de Livre Comércio entre México, Estados Unidos e Canadá ... Isso é muito bom para os nossos agricultores permitir que novas tecnologias ... também será práticas comerciais mais justas .. Isso também trará de volta os empregos do setor automotivo, proteger os direitos de propriedade intelectual, proteções no comércio digital e proteções ambientais ",
 
disse Trump.
 
"Este é um modelo de acordo que muda para sempre a paisagem do comércio",
 
disse Trump durante a cerimônia de assinatura em Buenos Aires, à margem da cúpula do G20.
 
Trump que primeiro tomou a palavra agradeceu Enrique (Peña Nieto) e lembrou que hoje é seu último dia no cargo, ele vai assinar algo tão importante, também disse que espera trabalhar bem com o presidente eleito Andrés Manuel López Obrador.
 
Trudeau disse que o acordo é um grande passo para a economia canadense, que elimina os riscos de incerteza, mas lembrou Trump que eles deveriam continuar trabalhando para remover as tarifas sobre aço e alumínio.
 
Em seu último dia como presidente, Peña Nieto disse que com o acordo os três países ganham individualmente e a região norte-americana vai prosperar. Ele garantiu que os acordos comerciais não podem permanecer estáticos, eles precisam avançar de acordo com as mudanças na economia e as necessidades das sociedades.
 
Os três líderes agradeceu os negociadores estavam em conversações para um ano e meio, o Ministro das Relações Exteriores do Canadá, Chrystia Freeland, representante comercial os EUA, Robert Lighthizer eo secretário mexicano de Economia, Ildefonso Guajardo.
 
Espera-se que o T-MEC seja ratificado durante os primeiros oito meses de 2019 pelo poder legislativo de cada um dos três países, que entrará em vigor em 1º de janeiro de 2020.
 
 


Fonte: El Economista, diário mexicano. Tradução: Redação JF





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
TRUMP anuncia Emergência Nacional para construir Muro 16/02/2019
TRUMP anuncia Emergência Nacional para construir Muro
 
VENEZUELA China e Cuba enviam medicamentos e kits de diagnóstico em doações 14/02/2019
VENEZUELA China e Cuba enviam medicamentos e kits de diagnóstico em doações
 
BLOQUEIO A CUBA Senadores Republicanos e Democratas dos EUA Apresentam Projeto para Suspensão 14/02/2019
BLOQUEIO A CUBA Senadores Republicanos e Democratas dos EUA Apresentam Projeto para Suspensão
 
EUA prepara Aventura Militar Disfarçada de Ajuda Humanitária à Venezuela, informa o Governo Cubano 14/02/2019
EUA prepara Aventura Militar Disfarçada de Ajuda Humanitária à Venezuela, informa o Governo Cubano
 
VENEZUELA em Manobras Militares gigantes de 10 a 15 de fevereiro 13/02/2019
VENEZUELA em Manobras Militares gigantes de 10 a 15 de fevereiro
 
MOODY'S eleva Rating Soberano da RÚSSIA 10/02/2019
MOODY'S eleva Rating Soberano da RÚSSIA
 
MADURO anuncia Execícios Militares em Grande Escala 10/02/2019
MADURO anuncia Execícios Militares em Grande Escala
 
FACEBOOK Alemanha restringe coleta de dados de usuários 09/02/2019
FACEBOOK Alemanha restringe coleta de dados de usuários
 
JAMAL KHASHOGGI - ONU diz que morte de jornalista foi planejada pela Arábia Saudita 09/02/2019
JAMAL KHASHOGGI - ONU diz que morte de jornalista foi planejada pela Arábia Saudita
 
VENEZUELA Militares bloqueiam ponte para impedir Ajuda Humanitária da Colômbia 08/02/2019
VENEZUELA Militares bloqueiam ponte para impedir Ajuda Humanitária da Colômbia
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites
JORNAL FRANQUIA - Todos os direitos reservados 2009