Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Política

28 de Dezembro de 2018 as 17:12:02



APOSENTADORIA Cálculo muda a partir de 2ª feira



Cálculo da aposentadoria muda a partir de segunda-feira
 
 
O cálculo das aposentadorias por tempo de contribuição vai mudar a partir de 2ª feira, 31.12, quando será acionada uma regra implementada por lei em 2015.
 
A regra exige um ano a mais para homens e mulheres se aposentarem. A atual fórmula, conhecida como 85/95, vai aumentar um ponto e se tornar 86/96.
 
Quem quiser se aposentar pela regra atual – e já cumpre os requisitos – têm até domingo,  30.12,  para fazer a solicitação.
 
Pela fórmula 85/95, a soma da idade e do tempo de contribuição deve ser de 85 anos para mulheres e 95 para homens. O tempo de trabalho das mulheres deve ser de 30 anos e o dos homens, de 35 anos. Isso significa, por exemplo, que uma mulher que tenha trabalhado por 30 anos, precisa ter pelo menos 55 anos para se aposentar.
 
A partir do dia 31, para se aposentar com o tempo mínimo de contribuição, ela deverá ter 56 anos. A mesma soma precisará alcançar 86 e 96. A fórmula será aumentada gradualmente até 2026.
 
Aqueles que já cumprem as regras podem solicitar a aposentadoria pelo telefone 135, que funciona das 7h às 22h, no horário de Brasília. Pelo telefone, o pedido pode ser feito somente até sábado.
 
Pelo site do INSS.o pedido pode ser feito até domingo (30).
 
 
Fórmula
 
A atual regra é fixada pela Lei 13.183/2015. Nos próximos anos, a soma voltará a aumentar, sempre em um ano. A partir de 31 de dezembro de 2020, passará a ser 87/97; de 31 de dezembro de 2022, 88/98; de 31 de dezembro de 2024, 89/99; e, em 31 de dezembro de 2026 chegará à soma final de 90/100.
 
Defensor da fórmula, o professor da Universidade de Brasília e assessor do Conselho Federal de Economia, Roberto Piscitelli, diz que o cálculo ajuda a reduzir desigualdades.
 
“Ele combina dois indicadores [tempo de contribuição e idade mínima] que, às vezes, quando considerados isoladamente dificultam a vida do trabalhador. A fórmula ajuda a compensar a situação daqueles que começaram a trabalhar muito cedo, o que sempre foi fator de injustiça do ponto de vista do tempo para aposentadoria”,
 
explicou.
 
Além de se aposentar pela regra 85/95, os trabalhadores podem atualmente se aposentar apenas por tempo mínimo de contribuição: 35 anos para os homens e 30 anos para as mulheres, independente da idade. Nesses casos, no entanto, poderá ser aplicado o chamado fator previdenciário que, na prática, reduz o valor da aposentadoria de quem se aposenta cedo. 


Fonte: AGENCIA BRASIL





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
THE INTERCEPT publica 3ª Rodada: Moro, o verdadeiro chefe da LavaJato 15/06/2019
THE INTERCEPT publica 3ª Rodada: Moro, o verdadeiro chefe da LavaJato
 
GENERAL SANTOS CRUZ bloqueou dinheiro para Olavo de Carvalho 15/06/2019
GENERAL SANTOS CRUZ bloqueou dinheiro para Olavo de Carvalho
 
THE INTERCEPT publica mais conversas comprometedoras em Moro e Força Tarefa LavaJato 15/06/2019
THE INTERCEPT publica mais conversas comprometedoras em Moro e Força Tarefa LavaJato
 
BOLSONARO critica decisão do STF de Criminalizar Homofobia 15/06/2019
BOLSONARO critica decisão do STF de Criminalizar Homofobia
 
BOLSONARO critica decisão do Senado de sustar decreto de armas 14/06/2019
BOLSONARO critica decisão do Senado de sustar decreto de armas
 
14/06/2019
FACADA Juiz Federal absolve Adélio Bispo. Bolsonaro irá recorrer da decisão.
 
ACOSSADO PELO INTERCEPT Moro alega 14/06/2019
ACOSSADO PELO INTERCEPT Moro alega "Descuido" nas mensagens
 
GLEISI HOFFMANN rechaça ataque desesperado do general HELENO 14/06/2019
GLEISI HOFFMANN rechaça ataque desesperado do general HELENO
 
MORO e DALLAGNOL são Mentirosos. E TV Globo os protege, acusa LULA 13/06/2019
MORO e DALLAGNOL são Mentirosos. E TV Globo os protege, acusa LULA
 
ANTES DA RUÍNA Gen. Santos Cruz deixa Secretaria de Governo; general RAMOS assume 13/06/2019
ANTES DA RUÍNA Gen. Santos Cruz deixa Secretaria de Governo; general RAMOS assume
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites