Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Investimentos

Quarta-Feira, Dia 13 de Março de 2019 as 20:03:47



O MERCADO, 4ª feira: Ibovespa sobe a 99.890. Dólar estável em R$ 3,813



Diário do Mercado na 4ª feira, 13.03.2019
 
Ibovespa tem novo recorde histórico com avanço da previdência
 
Comentário.
 
O Ibovespa evoluiu firmemente para bater novo recorde histórico, tanto de fechamento, como de pontuação, com o volume financeiro no dia sendo superior à média de seus últimos quatro pregões, bem como o índice futuro alcançou os 99.890 pts hoje.
 
Ao longo do pregão, a motivação dos investidores foi a notícia que o Ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, deverá entregar hoje a proposta da reforma da previdência dos militares ao Ministro da Fazenda, Paulo Guedes.
Os agentes consideraram que esta postura tempestiva tende a incrementar a
análise do texto geral da reestruturação da previdência pela CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) e agilizar mais seu trâmite na Câmara dos Deputados, ratificando a reiteração hoje do Presidente Jair Bolsonaro que tem convicção da aprovação da reforma ainda neste semestre.
 
Os positivos índices acionários em Nova York e na Europa deram ainda mais respaldo ao exitoso humor do mercado doméstico.  
 
No Brasil, o câmbio fechou em R$ 3,8130 (-0,03%). As taxas dos juros futuros foram contagiadas pelo otimismo do mercado com o andamento da reforma da previdência, decaindo novamente hoje e derrubando como um todo a curva de sua estrutura a termo.
 
Ibovespa.
 
O índice iniciou oscilante, mas basicamente em baixa. Todavia, reagiu e passou a operar definitivamente em campo positivo após 12h30min, com Wall Street em alta.
 
Com a notícia da evolução do trâmite da reforma da previdência, avançou rapidamente a partir das 15h, tocando máxima pontuação histórica aos 99.267 pts, às 15h26min, prosseguindo com trajetória favorável até seu máximo fechamento histórico.
 
A alta foi disseminada em diversos setores, sendo que os papéis de maiores pesos, Petrobras, Vale e do setor de bancos notadamente contribuíram para o ápice no dia. Individualmente, a CSN foi o destaque, com alta de 9,32%, terminando cotada a R$ 15,49.
 
O Ibovespa fechou aos 98.903 pts (+1,10%), acumulando variações de +3,71% na semana, +3,47% no mês, +12,53% no ano e +14,49% em 12 meses.
 
O giro financeiro preliminar da Bovespa foi de R$ 16,528 bilhões (cerca de 16% acima da média de seus últimas  quatro sessões, de R$ 14,2 bilhões), sendo R$ 16,136 bilhões no mercado à vista.
 
Capitais Externos na Bolsa
 
No dia 9 de março (último dado disponível), houve entrada líquida de capital estrangeiro de R$ 968,1 milhões, com retirada de R$ 416,47 bilhão em março. O saldo negativo acumulado no ano situa-se agora em R$ 1,511 bilhão. 
 
Câmbio e CDS.
 
A divisa norte-americana oscilou a maior parte da sessão em alta, mas sucumbiu após às 15h, se contrapondo ao comportamento do mercado acionário doméstico. No final, o dólar comercial (interbancário) encerrou cotado a R$ 3,8130 (-0,03%), acumulando variações de -1,47% na semana, +1,60% no mês, -1,60% no ano e +16,93% em 12 meses. 
 
Risco País
 
O risco medido pelo CDS Brasil passou de 157 pts da véspera para 155 pts hoje.
 
Juros.
 
Os juros futuros recuaram fortemente na sessão regular de hoje. O melhor humor do cenário interno contribuiu diretamente para este movimento, em meio ao desempenho aquém do desejável da produção industrial e o trâmite da reforma da previdência. 
 
O DI para janeiro de 2020 passou de 6,41% para 6,35%. O DI para janeiro de 2021 variou de 7,02% para 6,91%. O DI para janeiro de 2023 encerrou na mínima em 7,98% ante 8,09%. 
 
Agenda Econômica.
 
A produção industrial do Brasil, divulgada pelo IBGE hoje, registrou uma variação de -0,8% em janeiro, ante dezembro do ano passado. Em comparação a janeiro de 2018, o indicador oscilou -2,6%. Já no acumulado em 12 meses, apresentou uma variação de +0,5%, inferior ao apresentado no mês passado, em +1,2%, dando continuidade a uma tendência de queda que vem desde julho de 2018. 
 
Para a semana
 
Brasil: Vendas a varejo; Criação de empregos formais; IGP-10; Coleta de impostos.
EUA: Vendas de Casas Novas; Produção Industrial e índice de confiança da Universidade de Michigan.
Alemanha: IPC.
França: IPC.
Zona do Euro: IPC .
China: Produção industrial; Vendas a Varejo.
 
 
Confira no anexo a íntegra do relatório de análise do comportamento do mercado na 4ª feira, 13.03.2019, elaborado por HAMILTON ALVES, CNPI-T, do  BB Investimentos. 

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: HAMILTON ALVES, CNPI-T, do BB Investimentos.





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
GUIA DE AÇÕES  Conheça aqui as cotações de 24.05. Programe seu Investimento 25/05/2019
GUIA DE AÇÕES Conheça aqui as cotações de 24.05. Programe seu Investimento
 
O MERCADO, 6ª Feira: Ibovespa cai a 93.627 pts; Dólar cai a R$ 4,015 24/05/2019
O MERCADO, 6ª Feira: Ibovespa cai a 93.627 pts; Dólar cai a R$ 4,015
 
NATURA & CO.  Nota de Pesquisa A Aquisição da AVON 23/05/2019
NATURA & CO. Nota de Pesquisa A Aquisição da AVON
 
O MERCADO, 5ª feira: Ibovespa cai a 93.910 pts. Dólar sobe a R$ 4,0470 23/05/2019
O MERCADO, 5ª feira: Ibovespa cai a 93.910 pts. Dólar sobe a R$ 4,0470
 
MAGAZINE LUIZA - Atualização das Estimativas de Preço Futuro das Ações 23/05/2019
MAGAZINE LUIZA - Atualização das Estimativas de Preço Futuro das Ações
 
O MERCADO, 4ª Feira: Ibovespa cai a 94.360 pts. Dólar cai a R$ 4,040 22/05/2019
O MERCADO, 4ª Feira: Ibovespa cai a 94.360 pts. Dólar cai a R$ 4,040
 
GUIA DE AÇÕES  Conheça aqui as cotações de 22.05. Programe seu Investimento 22/05/2019
GUIA DE AÇÕES Conheça aqui as cotações de 22.05. Programe seu Investimento
 
O MERCADO, 3ª Feira: Ibovespa sobe a 94.484 pts (+2,76%). Dólar caiu R$ 4,0470 (-1,36%) 21/05/2019
O MERCADO, 3ª Feira: Ibovespa sobe a 94.484 pts (+2,76%). Dólar caiu R$ 4,0470 (-1,36%)
 
VALE - Revisão de Preços das Ações pós-Brumadinho 21/05/2019
VALE - Revisão de Preços das Ações pós-Brumadinho
 
RENDA FIXA  Análise do Mercado em 20.05.2019, pelo BB Investimentos 21/05/2019
RENDA FIXA Análise do Mercado em 20.05.2019, pelo BB Investimentos
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites