Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Economia e Finanças

12 de Abril de 2019 as 13:04:35



SETOR DE SERVIÇOS - Desempenho Setorial em Fevereiro/2019, pelo BB-BI



Setor de SERVIÇOS - Desempenho em Fevereiro de 2019
 
Volume do setor de serviços cai pelo segundo mês consecutivo
 
O volume do setor de serviços de fevereiro/2019 apresentou queda de 0,4% na comparação com o mês anterior, abaixo das expectativas do mercado (-0,1%), repetindo o recuo de janeiro (-0,4%), conforme dados (série dessazonalizada) divulgados pelo IBGE nesta 6ª feira, 12.04. (www.ibge.gov.br)
 
O resultado negativo foi novamente impactado pela atividade transportes, que retraiu 2,6%. No confronto com o mesmo mês do ano anterior, a variação foi positiva em 3,8%, ligeiramente abaixo das expectativas do mercado (+4,0%) – importante ressaltar que o mês de fevereiro de 2018 apresentou menor número dias úteis por conta do carnaval.
 
Na comparação anual, esta foi a sétima taxa positiva seguida. Já no acumulado de 12 meses, o avanço passou de 0,2% para 0,7%. 
 
Perspectivas.
 
O índice de volume de serviços afastou-se em relação à sua máxima histórica (nov/14) e encontra-se, neste momento, 11,5% abaixo do recorde.
 
Reiteramos o potencial para melhora do desempenho do setor de serviços em razão da tendência de melhora da massa de rendimentos reais dos trabalhadores observada desde março de 2018, bem como das perspectivas positivas para a criação de vagas formais de emprego.
 
Transporte aéreo lideram queda.
 
A queda observada em fevereiro do setor de serviços foi especialmente influenciada pela atividade de transportes, puxada pela subcategoria de transporte aéreo, que retraiu -15,5% ante o mês anterior. 
 
Também contribuiu para a queda a atividade de serviços prestados à família (-1,1%), com destaque para outros serviços prestados à família, que apresentou a maior retração ante janeiro (-2,1%).
 
Em contrapartida, os serviços de informação e comunicação (+0,8%), serviços de tecnologia da informação e comunicação (+0,8%) e sua subcategoria serviços de tecnologia da informação (+4,8%) lideram a alta no mês ante o mês anterior.
 
São Paulo tem alta
 
No desagregado por unidades da federação, 22 dos 27 estados apresentaram queda ante o mês anterior, com destaques para Rio de Janeiro (-3,2%) e Distrito Federal (-4,5%).
 
Entre os avanços, a maior contribuição proporcional veio de São Paulo (1,0%), que representa cerca de um terço do PIB de serviços do Brasil.
 
Já na comparação anual, em termos regionais, 12 das 27 unidades da federação registraram alta, e, novamente, São Paulo liderou com alta de 8,3%. Por outro lado, o Rio de Janeiro registrou a retração mais relevante (-2,7%).
 
Turismo arrefece
 
O índice de atividades turísticas reverteu a alta de 3,9% do mês de janeiro, quando havia interrompido uma sequência de quatro quedas, com retração de 4,8% na série com ajuste sazonal. Em termos regionais, onze das doze unidades da federação tiveram baixa, liderados pelo Distrito Federal (-12,0%).
 
Confira no anexo a íntegra do estudo preparado por HENRIQUE TOMAZ, CFA, Analista Sênior, e RICARDO VIEITES, CNPI, Analista, integrantes do BB Investimentos

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: HENRIQUE TOMAZ, CFA, Analista Sênior, e RICARDO VIEITES, CNPI, Analista, integrantes do BB Investimentos





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
LIBERDADE ECONÔMICA - MP sancionada, Veja os Pontos Principais 20/09/2019
LIBERDADE ECONÔMICA - MP sancionada, Veja os Pontos Principais
 
ORÇAMENTO FEDERAL Governo de que vai desbloquear R$ 8,3 Bilhões 20/09/2019
ORÇAMENTO FEDERAL Governo de que vai desbloquear R$ 8,3 Bilhões
 
COMBUSTÍVEIS Petrobras eleva preço da gasolina do diesel 19/09/2019
COMBUSTÍVEIS Petrobras eleva preço da gasolina do diesel
 
COPOM baixa a SELIC a 5,5% 18/09/2019
COPOM baixa a SELIC a 5,5%
 
BALANÇA COMERCIAL - Déficit na 2ª semana de Setembro: US$ 552 Milhões 17/09/2019
BALANÇA COMERCIAL - Déficit na 2ª semana de Setembro: US$ 552 Milhões
 
COPOM reune-se para redefinir a SELIC nesta 3ª e 4ª feira 17/09/2019
COPOM reune-se para redefinir a SELIC nesta 3ª e 4ª feira
 
PETROBRAS Plataforma P-68 sai do estaleiro aos campos de Berbigão e Sururu 17/09/2019
PETROBRAS Plataforma P-68 sai do estaleiro aos campos de Berbigão e Sururu
 
PETRÓLEO Preço Internacional irá incorporar Fator Risco, diz diretor da ANP 17/09/2019
PETRÓLEO Preço Internacional irá incorporar Fator Risco, diz diretor da ANP
 
FGTS Caixa creditou R$ 5 BI nas contas de 12 milhões de correntistas 16/09/2019
FGTS Caixa creditou R$ 5 BI nas contas de 12 milhões de correntistas
 
COMÉRCIO MUNDIAL desacelera e derruba comércio exterior do Brasil 16/09/2019
COMÉRCIO MUNDIAL desacelera e derruba comércio exterior do Brasil
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites