Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Investimentos

23 de Abril de 2019 as 22:04:23



O MERCADO, 3ª Feira: Ibovespa sob a 95.923 (+1,41%) Dólar cai a R$ 3,921



Diário do Mercado na 3ª feira, 23.04.2019
 
Ibovespa avança com perspectiva de iminente votação da reforma da Previdência na CCJ  
 
Comentário
 
O índice doméstico evoluiu com o otimismo tomando conta dos agentes em função da expectativa da premente votação no dia pela admissibilidade da proposta da reforma da previdência na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara dos Deputados.
 
Conforme noticiado, algumas alterações tendem a ser procedidas no texto, mas sem modificar até agora a economia prevista pelo governo de R$ 1,16 trilhão com a medida. Em se ratificando esta aprovação, o próximo passo é instaurar a “Comissão Especial” na própria Câmara –  que poderá ocorrer na próxima 5ª feira, 25.04 - para os deputados analisarem o mérito da PEC (Proposta de Emenda Constitucional), na qual poderão ser apresentadas emendas e que terá o prazo de quarenta sessões para sua anuência. Em seguida, depois da publicação do parecer e de duas sessões, o documento poderá ser incluído na “ordem do dia” e ir a plenário, no qual será submetido a duas votações, sendo necessário três quintos de votos a favor dos 513 deputados (ou seja, 308 votos) para sua aprovação.
 
Externamente, como contribuição positiva, os índices das bolsas de Nova York subiram apoiados em balanços de empresas melhores do que as expectativas dos analistas.
 
No Brasil, o dólar comercial fechou cotado a R$ 3,9210 (-0,28%). Os juros futuros recuaram gradualmente da ponta mais curta para a ponta mais longa de sua curva de estrutura a termo.
   
Ibovespa.
 
O índice abriu para cima e rapidamente alcançou os 96 mil pts. Depois oscilou um pouco abaixo dessa pontuação até por volta do meio dia para, em seguida, basicamente, ficar navegando ao redor deste patamar, com curtas variações, até o fechamento. Neste primeiro momento, ponderadamente, as ações de maior liquidez, como Petrobras, Vale e setor de bancos, que detêm maiores pesos no índice, foram eleitas pelos investidores. Também, destaques individuais para os papéis de empresas ligadas a proteína animal, como Marfrig, BRF e JBS, impulsionadas por possível maior exportação devido à continuidade da gripe suína na China.
 
O Ibovespa fechou aos 95.923 pts (+1,41%), acumulando +1,42% na semana, +0,53% no mês, +9,14% no ano e +12,06% em 12 meses. O preliminar giro financeiro da Bovespa foi de R$ 12,901 bilhões, sendo R$ 12,614 bilhões no mercado à vista.
 
Capitais Externos na Bolsa
 
No dia 18 de abril (último dado disponível), houve entrada líquida de capital estrangeiro de R$ 680,030 milhões na Bovespa, com a saída líquida arrefecendo a R$ 1,032 bilhão em abril. Em 2019, o saldo tornou-se positivo em R$ 219,622 milhões.
 
Agenda Econômica.
 
O IPC-S desacelerou na terceira quadrissemana de abril, arrefecendo agora a +0,69% de +0,79% na semana anterior.
 
Câmbio e CDS
 
A divisa norte-americana findou em queda frente ao real. A perspectiva da votação da proposta da previdência na CCJ reduziu a aversão ao risco doméstico, que se sobressaiu ao movimento contrário observado no exterior, no qual houve fortalecimento do dólar em relação as principais moedas.
 
O dólar comercial (interbancário) fechou cotado a R$ 3,9210 (-0,28%), acumulando -0,23% na semana, +0,13% no mês, +1,19% no ano e +13,69% em 12 meses.
 
Risco País
 
O risco-país medido pelo CDS Brasil cedeu a 169 pts de 171 pts.
 
Juros.
 
Os juros futuros fecharam a sessão regular em baixa, como um todo, movimento diretamente influenciado pelas expectativas domésticas positivas em relação à reforma da Previdência.
 
Em relação à véspera, assim finalizaram: o DI janeiro/2020 em 6,47% de 6,49%; o DI janeiro/2021 em 6,96% de 7,01%; o DI janeiro/2023 em 8,12% de 8,20%; o DI janeiro/2025 em 8,65% (mínima) de 8,75%; e o DI janeiro/2027 em 8,97% de 9,08%. 
 
Para a semana
 
Brasil: Coleta de impostos; Criação de empregos formais; IPC-FIPE; Confiança do Consumidor; IPCA-15; dados do setor externo; dados do setor de crédito.
 
EUA: Vendas de casas novas; Pedidos de bens duráveis; PIB; Consumo pessoal; Índice de confiança da Univ. Michigan.
 
China: Lucros industriais.
 
Japão: BoJ – decisão de política monetária.
 
Confira no anexo a íntegra do relatório de análise do comportamento do mercado na 3ª feira, 23.04.2019, elaborado por HAMILTON ALVES, CNPI-T, ambos integrantes do BB Investimentos  

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: HAMILTON ALVES, CNPI-T, ambos integrantes do BB Investimentos





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
GUIA DE AÇÕES Conheça aqui as cotações de 21.08 Programe seu Investimento 21/08/2019
GUIA DE AÇÕES Conheça aqui as cotações de 21.08 Programe seu Investimento
 
O MERCADO, 21.08: Ibovespa volta superar 100.000 pts, Dólar cai a R$ 4,030 21/08/2019
O MERCADO, 21.08: Ibovespa volta superar 100.000 pts, Dólar cai a R$ 4,030
 
VAREJO - Desempenho do Setor no 1º Semestre/2019: Positivo 21/08/2019
VAREJO - Desempenho do Setor no 1º Semestre/2019: Positivo
 
O MERCADO, 20.08: Ibovespa em trajetória errática. Dólar cai a R$ 4,051 20/08/2019
O MERCADO, 20.08: Ibovespa em trajetória errática. Dólar cai a R$ 4,051
 
GUIA DE AÇÕES Conheça aqui as cotações de 19.08 Programe seu Investimento 19/08/2019
GUIA DE AÇÕES Conheça aqui as cotações de 19.08 Programe seu Investimento
 
RENDA FIXA Mercado Secundário de Debêntures - Relatório de 13.08.2019 16/08/2019
RENDA FIXA Mercado Secundário de Debêntures - Relatório de 13.08.2019
 
O MERCADO, 16.08: Ibovespa sobe 0,76% a 99.805 pts. Dólar sobe a R$ 4,003 16/08/2019
O MERCADO, 16.08: Ibovespa sobe 0,76% a 99.805 pts. Dólar sobe a R$ 4,003
 
O MERCADO, 15.08, Ibovespa abaixo dos 100 mil pts com persistência de temores 16/08/2019
O MERCADO, 15.08, Ibovespa abaixo dos 100 mil pts com persistência de temores
 
O MERCADO, 14.08: Ibovespa cai 2,94% a 100.258 pts. Dólar sobe 1,79% a R$ 4,038 14/08/2019
O MERCADO, 14.08: Ibovespa cai 2,94% a 100.258 pts. Dólar sobe 1,79% a R$ 4,038
 
O MERCADO, 3ª Feira: R$ 5 BI líquidos deixaram a B3 em agosto. E R$ 15 BI no ano 14/08/2019
O MERCADO, 3ª Feira: R$ 5 BI líquidos deixaram a B3 em agosto. E R$ 15 BI no ano
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites