Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Investimentos

18 de Junho de 2020 as 22:06:20



O MERCADO, 18.06: IBOVESPA sobe 0,6% a 96.125 pts, DÓLAR sobe a R$ 5,370



Diário de Mercado e Guia de Ações - 18.06.2020
 
Ibovespa prossegue em alta, ainda na esteira de corte da taxa Selic
 
Comentário.
 
O índice doméstico perfez o terceiro pregão consecutivo de ganhos, ainda na esteira hoje da percepção que poderão ocorrer mais reduções da taxa básica de juros (Selic) pelo Banco Central, inclusive já em sua decisão subsequente em 5 de agosto próximo.
 
Houve um descolamento positivo em relação aos índices de Nova York e a elevação só não foi maior porque os índices S&P500 e Dow Jones não denotaram desempenhos favoráveis.
 
Externamente, os indicadores norte-americanos trouxeram dúvidas aos investidores em relação a uma rápida recuperação da economia dos EUA (antes com perspectiva de ser em “V”), além de temores em relação a uma possível segunda onda de coronavírus em diversos países pelo mundo.
 
Também houve declarações de membros do Fed que a economia local só deverá voltar ao patamar pré-crise daqui dois anos. Nem mesmo as altas dos preços dos futuros dos barris de petróleo para agosto (Brent em US$ 41,51; +1,97% / WTI em US$ 39,05; +2,20%) conseguiram evitar a cautela dos investidores no exterior.
 
O dólar comercial abriu e operou em alta ao longo da sessão, findando a R$ 5,3700 (+2,05%). Nos juros futuros, destaque para as baixas dos curtos, com a percepção de queda da Selic. 
 
Ibovespa.
 
O índice chegou a recuar depois da abertura, mas logo reverteu e passou a oscilar em campo positivo, indo testar os 97 mil pts. Na parte da tarde passou a operar ao redor de +1,0%, cedendo um pouco na hora final, com a alta sendo contida pelo desempenho fraco do S&P500.
 
O Ibovespa terminou aos 96.125 pts (+0,60%), acumulando +3,59% na semana, +9,98% no mês, -16,88% ano e -3,30% em 12 meses. O preliminar giro financeiro da Bovespa foi de R$ 27,8 bilhões, sendo R$ 25,3 bilhões no mercado à vista.
 
Capitais Externos na Bolsa B3
 
No dia 16 de junho, a Bovespa teve retirada líquida de R$ 294,727 milhões, acumulando R$ 2,077 bilhões no mês. Em 2020, o saldo negativo está em -R$ 74,769 bilhões (acima a saída líquida anual recorde de -R$ 44,517 bilhões em 2019).
 
Agenda Econômica.
 
No Brasil, a 2ª prévia de junho mostrou aceleração para +1,48% versus +0,01% na 2ª prévia de maio – acima do consenso de +1,35%. O índice de atividade econômica do Banco Central mostrou variação de -9,73% em abril ante -6,16% em março, bem como oscilou -15,09% em relação a abril de 2019.
 
Câmbio e CDS.
 
O dólar já principiou com “gap de alta” e operou em campo positivo durante toda a sessão, subindo um pouco mais na hora final. O cenário externo nada animador no dia, incluindo problemas na renegociação da dívida externa da Argentina e dados mais fracos dos EUA, além de incertezas sobre a possível segunda onda do coronavírus, influenciaram o comportamento no dia.
 
A moeda fechou a R$ 5,3700 (+2,05%), acumulando +6,51% na semana, +0,60% no mês, +33,85% no ano e +39,12% em 12 meses.
 
Risco-País
 
O risco-país (CDS Brasil de 5 anos) subiu a 265 pts ante 257 pts da véspera.
 
Juros.
 
Os juros futuros curtos caíram, ainda com a percepção dos agentes de continuidade de baixa da taxa Selic, mas os intermediários e longos subiram, influenciados pela elevação do dólar. Assim fecharam as taxas em relação a ontem:
 
DI julho/2020 em 2,15% de 2,25%;
DI outubro/2020 em 2,08% de 2,11%;
DI janeiro/2021 em 2,05% de 2,10%;
DI janeiro/2022 em 3,10% de 3,05%;
DI janeiro/2023 em 4,24% de 4,12%;
DI janeiro/2025 em 5,86% de 5,66%;
DI janeiro/2027 em 6,82% de 6,62%.
 
Agenda. vide página 3 do reçatório anexo.
 
Confira no anexo a íntegra do relatório de análise do comportamento do mercado na 5ª feira, 18.06.2020, elaborado por HAMILTON MOREIRA ALVES, CNPI-T, integrante do BB Investimentos.

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: HAMILTON MOREIRA ALVES, CNPI-T, integrante do BB Investimentos





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
GUIA DE AÇÕES, 13.07: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir 13/07/2020
GUIA DE AÇÕES, 13.07: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir
 
O MERCADO, 13.07: IBOVESPA cai 1,33% a 98.697 pts por efeito da Covid-19 nos EUA 13/07/2020
O MERCADO, 13.07: IBOVESPA cai 1,33% a 98.697 pts por efeito da Covid-19 nos EUA
 
GUIA DE AÇÕES, 10.07: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir 10/07/2020
GUIA DE AÇÕES, 10.07: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir
 
O MERCADO, 10.07: IBOVESPA retorna aos 100.000 pts; DÓLAR cai a R$ 5,3213 10/07/2020
O MERCADO, 10.07: IBOVESPA retorna aos 100.000 pts; DÓLAR cai a R$ 5,3213
 
GUIA DE AÇÕES, 09.07: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir 10/07/2020
GUIA DE AÇÕES, 09.07: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir
 
GUIA DE AÇÕES, 08.07: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir 08/07/2020
GUIA DE AÇÕES, 08.07: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir
 
O MERCADO, 08.07: IBOVESPA sobiu 2,05% a 99.769 pts; DÓLAR caiu a R$ 5,346 08/07/2020
O MERCADO, 08.07: IBOVESPA sobiu 2,05% a 99.769 pts; DÓLAR caiu a R$ 5,346
 
WEG obtém controle da Startup BirminD 08/07/2020
WEG obtém controle da Startup BirminD
 
GUIA DE AÇÕES, 06.07: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir 07/07/2020
GUIA DE AÇÕES, 06.07: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir
 
O MERCADO, 06.07: IBOVESPA aproxima-se novamente de 100.000 pontos 07/07/2020
O MERCADO, 06.07: IBOVESPA aproxima-se novamente de 100.000 pontos
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites