Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Investimentos

Quinta-Feira, Dia 01 de Outubro de 2020 as 08:55:58



OS MERCADOS - Abertura em 01.10.2020: Pacote de Estímulos nos EUA sustentam Bom Humor



Conexão Mercado - Abertura em 01.10.2020

 

Roger Marçal, Gerente,
Eduardo Toneto do Livramento
 e Adriana dos Santos Lima
do BB DIMEF Cenários Financeiros
Mercado Externo
 
Sinais de continuação das negociações para o pacote de estímulos americanos sustentam a maior parte do bom humor internacional. 
 
► Os mercados operam em otimismo moderado no exterior, com a continuação das esperanças de que o novo pacote de estímulos seja aprovado nos EUA, apesar da persistência de alguns impasses. Já a pandemia e as controvérsias entre Reino Unido e UE com relação ao acordo comercial do pós-Brexit limitam os ganhos matinais.
 
► Na tarde ontem, Nancy Pelosi, disse que ainda precisa avaliar certos pontos da contraproposta do governo (aprox. US$ 1,62 tri), mas garantiu que as negociações irão continuar. Já Steven Mnuchin afirmou que não pretende aceitar a proposta de US$ 2,2 tri dos democratas, embora tenha confirmado que as discussões continuam, com alguns pontos de concordância já acertados.
 
► Quanto aos indicadores, o PMI da indústria da Zona do Euro avançou de 51,7 em agosto para 53,7, como esperado. A taxa de desemprego do bloco avançou ligeiramente de 8,0% em agosto para 8,1% em setembro, dentro do previsto.
 
► Na noite de ontem a Espanha anunciou novas restrições que serão impostas nas próximas 48h, com Madri entrando em uma forma de bloqueio, com impedimento de visitas desnecessárias. Já na Itália, o Senado suspendeu todas as atividades parlamentares após dois integrantes testarem positivo para o covid-19.
 
► A Comissão Europeia enviou carta de notificação formal ao Reino Unido, acusando o país de descumprir com suas obrigações no Acordo de Retirada, marcando o início de um processo formal contra o UK, que terá um mês para responder. 
 
        Ainda hoje, o  responsável pelas negociações do lado britânico afirmou que existem pontos inegociáveis com a UE, mas destacou que um acordo ainda pode ser alcançado. Questões sobre auxílio fiscal e pesca continuam como principais pontos de impasse.
 
► Na agenda do dia, nos EUA destaque para os pedidos semanais de segurodesemprego, índice de preços PCE (favorito do Fed), gastos do consumidor, renda pessoal de agosto e leitura final do PMI da indústria. Além do discurso de dirigentes do Fed (Bowman, Williams e Harker). 
 
► Neste caso, aguardamos um dia de ligeira propensão ao risco, com investidores mantendo posições relativamente otimistas, graças à sinalização de manutenção do diálogo entre governo e democratas para se chegar ao plano de socorro nos EUA.
 
Expectativas para o dia
 
► Dólar contra: Principais: Queda Emergentes: Queda
► Taxas dos Treasuries: Alta (Contraponto: decepção com indicadores americanos e rompimento das negociações sobre o pacote fiscal)
► Commodities: Alta
► Bolsas: Alta
 
Mercado Interno
 
Mercados devem refletir cautela por incertezas em medidas econômicas
 
► No Brasil, os mercados tendem a mostrar cautela em decorrência das preocupações com a agenda econômica e fiscal, embora a tendência de propensão no exterior deva amenizar o movimento dos ativos internos.
 
► Segue a indefinição sobre o programa Renda Cidadã, após desencontros de declarações ontem à tarde entre lideranças políticas. Pois, o debate sobre a possível fonte de financiamento ainda não está encerrado.
 
► Porém, aparentemente a ideia de se utilizar recursos de precatórios e do Fundeb para financiar o programa social tende a ser descartado. Cabe lembrar que a proposta dos precatórios desagradou os agentes de mercado e especialistas por não indicar redução de despesas para a inclusão de novo gasto no orçamento a partir de 2021, além de sinalizar postergação de dívidas.
 
► Os jornais locais apontam que em reunião ontem à noite no Planalto, incluindo a presença do relator do orçamento e da PEC do Pacto Federativo, o senador Marcio Bittar, que horas ante havia afirmado que manteria a ideia dos precatórios em seu parecer, ficou definido que novas alternativas sobre a matéria serão produzidas pela equipe econômica.
 
► Outro destaque dos jornais versa sobre a possibilidade de adiamento da entrega da reforma tributária para o próximo ano, dado que o curto espaço de tempo até as eleições municipais prejudica a tramitação da reforma no Congresso.
 
► Dessa forma, as várias discussões sobre temas relevantes que deveriam ser incluídos em textos que já deveriam está tramitando em comissões especiais no Congresso geram incertezas quanto o avanço de reformas, neste momento que seria uma boa  resposta para a crise sanitária
 
Expectativas para o dia
 
► Dólar: Alta marginal (incertezas locais + posição de hedge cambial) -> Contraponto: movimento de baixa da divisa americana no ambiente internacional + possíveis atuações do BC.
 
► Juros: Alta (desconforto fiscal + alta do dólar) -> Contraponto: perspectiva de juros baixos por longo período + ambiente positivo no exterior.
 
► Ibovespa: Queda (preocupações internas) -> Contraponto: viés positivo das bolsas globais + ampla liquidez global + cenário de juros baixos + nível técnico
 
Confira no anexo a íntegra do relatório a respeito, elaborado por
Roger Marçal, gerente, Eduardo Toneto do Livramento, Adriana dos Santos Lima,
do BB DIMEF Cenários Financeiros

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: Roger Marçal, gerente, Eduardo Toneto do Livramento, Adriana dos Santos Lima, do BB DIMEF Cenários Financeiros





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
OS MERCADOS - Fechamento em 30.10.2020: IBOVESPA em Queda Expressiva 30/10/2020
OS MERCADOS - Fechamento em 30.10.2020: IBOVESPA em Queda Expressiva
 
OS MERCADOS FECHAMENTO em 29.10.2020: Ibovespa ao final zerou perdas do dia 29/10/2020
OS MERCADOS FECHAMENTO em 29.10.2020: Ibovespa ao final zerou perdas do dia
 
SANTANDER - Resultado no 3º trimestre/2020 - Resultado Robusto 28/10/2020
SANTANDER - Resultado no 3º trimestre/2020 - Resultado Robusto
 
OS MERCADOS  FECHAMENTO em 28.10.2020: Aversão ao Risco e Expectativa pelo COPOM 28/10/2020
OS MERCADOS FECHAMENTO em 28.10.2020: Aversão ao Risco e Expectativa pelo COPOM
 
GUIA DE AÇÕES, 27.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir. 28/10/2020
GUIA DE AÇÕES, 27.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir.
 
OS MERCADOS FECHAMENTO 27.10: Cautela Pré-Copom, Incertezas Fiscais nos EUA 28/10/2020
OS MERCADOS FECHAMENTO 27.10: Cautela Pré-Copom, Incertezas Fiscais nos EUA
 
GUIA DE AÇÕES, 26.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir. 27/10/2020
GUIA DE AÇÕES, 26.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir.
 
OS MERCADOS FECHAMENTO em 26.10.2020: Sentimento Global de Aversão ao Risco contamina bolsa brasileira 26/10/2020
OS MERCADOS FECHAMENTO em 26.10.2020: Sentimento Global de Aversão ao Risco contamina bolsa brasileira
 
GUIA DE AÇÕES, 23.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir. 26/10/2020
GUIA DE AÇÕES, 23.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir.
 
OS MERCADOS FECHAMENTO em 23.10.2020: Queda por realização de lucros 23/10/2020
OS MERCADOS FECHAMENTO em 23.10.2020: Queda por realização de lucros
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites