Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Investimentos

21 de Outubro de 2020 as 16:10:52



CONEXÃO MERCADO – AGORA 21.10.2020: Investidores aguardam definição do Pacote Fiscal nos EUA



CONEXÃO MERCADO – AGORA, às 12h45, de 21.10.2020
 
Roger Marçal, Gerente
Luiz Cláudio Arraes Liberali
Elifrancis Braga Almeida
do BB DIMEF Cenarios Financeiros
MERCADO EXTERNO
 
Mercados globais operam mistos, com os investidores ponderando noticiário, enquanto aguardam definição de pacote fiscal.
 
► No exterior, os investidores seguem aguardando esperançosos mais um encontro entre Pelosi, presidente da Câmara, e Mnuchin, secretário do Tesouro, previsto para o final da tarde, para um possível desfecho sobre um novo pacote fiscal nos EUA. Por outro lado, mostram-se receosos com o crescimento de casos de coronavírus e na adoção de novas medidas restritivas na Europa.
 
► Nos EUA, Meadows, chefe de gabinete do gov, disse que as negociações, entre Casa Branca e Congresso, entraram em uma nova fase, aonde se discute impasses técnicos do pacote, e que está mais otimista por um acordo nas próximas 48 horas.
 
► A dirigente do Fed, Brainard, avaliou que as disparidades econômicas podem atrapalhar a recuperação da economia. No mais, reforçou o compromisso do Fed com a política monetária acomodatícia e a necessidade de mais apoio fiscal.
 
► Na Europa, Ramsden, vice presidente do BoE, afirmou que a autoridade monetária não descarta a adoção de juros negativos no futuro e mostrou-se preocupado com os obstáculos à recuperação do mercado de trabalho
 
► Bolsas: Em NY, os índices operam em alta, motivados pela esperança de conclusão de um pacote fiscal. Destaque de alta para as ações Twitter, Facebook e Alphabet. Na Europa, bolsas operam queda, impactadas com o noticiário de aumento de infecções diárias de coronavirus e adoção de novas medidas restritivas.
 
► Juros: As yields dos treasuries operam majoritariamente em alta influenciadas pela possibilidade de acordo fiscal.
 
► Câmbio: Dólar opera majoritariamente em queda, refletindo o ambiente de menor busca por ativos defensivo. Destaque de alta para a libra esterlina com possibilidade de avanços entre RU e UE sobre acordo comercial pós-Brexit
 
MERCADO INTERNO
 
Mercados operam voláteis, de olho no exterior e nas questões fiscais
 
► No Brasil, após uma sessão de ganhos, os mercados operam mistos, embora voláteis, com os investidores em compasso de espera pelo pacote fiscal nos EUA, sem perder de vista as discussões em torno da agenda fiscal.
 
► O secretário do Tesouro, Bruno Funchal, comentou sobre a possibilidade do governo fazer uma reavaliação de gastos públicos de forma a financiar uma ampliação do Bolsa Família.
 
► Funchal argumentou que a reorganização das contas do país passa pela manutenção do teto de gastos e pela revisão das despesas.
 
►  No mais, Funchal defendeu o andamento das reformas e disse que a situação difícil pela qual o Brasil passa abre uma janela de oportunidades para que aprovem as reformas.
 
► A prévia do Índice de Confiança da Indústria da FGV mostrou avanço de 4,0 pontos do indicador na passagem de setembro para outubro, alcançando 110,7 pontos, sugerindo que o setor pode ter alcançado seu maior nível desde 2011.
 
► A Confederação Nacional da Indústria (CNI) manteve sua projeção para a queda do PIB neste ano para 4,2%.
 
► Dólar: após abrir em queda, opera em alta frente ao real, ficando no patamar próximo de R$ 5,62, em meio às incertezas externas e ruídos políticos.
 
► Juros: sobem com ajuste após as quedas recentes e com os players se preparando para o leilão do Tesouro amanhã.
 
► Ibovespa: opera em alta, embora volátil, oscilando no nível dos 100 mil pts, em a virada das bolsas de NY. Destaque para alta do setor financeiro.
 
Confira no anexo a íntegra do relatório a respeito, elaborado por Roger Marçal, Gerente, Luiz Cláudio Arraes Liberali e Elifrancis Braga Almeida, do BB DIMEC Cenários Financeiros
 
 

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: Roger Marçal, Gerente, Luiz Cláudio Arraes Liberali Elifrancis Braga Almeida do BB DIMEF Cenarios Financeiros





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
DOLAR cai a R$ 5,326 e IBOVESPA sobe a 110.575 pts 27/11/2020
DOLAR cai a R$ 5,326 e IBOVESPA sobe a 110.575 pts
 
GUIA DE AÇÕES, 24.11.2020: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 25/11/2020
GUIA DE AÇÕES, 24.11.2020: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
GUIA DE AÇÕES, 20.11.2020: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 23/11/2020
GUIA DE AÇÕES, 20.11.2020: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
MARKET UPDATE Semanal de 14 a 20.11.2020 Dados Recentes da Atividade Econômica nos Principais Países 21/11/2020
MARKET UPDATE Semanal de 14 a 20.11.2020 Dados Recentes da Atividade Econômica nos Principais Países
 
GUIA DE AÇÕES, 19.11.2020: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 20/11/2020
GUIA DE AÇÕES, 19.11.2020: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
GUIA DE AÇÕES, 18.11.2020: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 19/11/2020
GUIA DE AÇÕES, 18.11.2020: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
AZUL - Resultado no 3º trimestre/2020: NEUTRO 17/11/2020
AZUL - Resultado no 3º trimestre/2020: NEUTRO
 
GUIA DE AÇÕES, 13.11.2020: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 16/11/2020
GUIA DE AÇÕES, 13.11.2020: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
PERU busca 3º presidente em uma semana para tentar sair de crise 17/11/2020
PERU busca 3º presidente em uma semana para tentar sair de crise
 
GUIA DE AÇÕES, 16.11.2020: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 17/11/2020
GUIA DE AÇÕES, 16.11.2020: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites