Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Internacional

18 de Outubro de 2021 as 15:10:36



COLIN POWELL - General e Político dos EUA morre aos 84 anos de Complicações de Covid



Powell tratava-se de câncer no sangue, sofria de Mal de Parkinson
e era sobrevivente de câncer na próstata
 
Colin Powell, o ex-secretário de Estado dos EUA que desempenhou um papel fundamental na tentativa de justificar a invasão do Iraque em 2003, morreu de complicações de Covid-19 aos 84 anos, foi anunciado nesta 2ª feira, 18.10.2021.
 
Powell, um general de quatro estrelas aposentado, que serviu como chefe do estado-maior conjunto das forças armadas os EUA, no início da década de 1990, havia sido tratado por Covid no Centro Médico Nacional Walter Reed em Bethesda, Maryland, onde ele faleceu.
 
O general havia sido totalmente vacinado contra coronavírus, mas teve o sistema imunológico comprometido por um tratamento de câncer de sangue.
 
Ao anunciar sua morte, sua família disse ter perdido um "marido, pai, avô e um grande americano".
 
Powell foi o primeiro secretário de Estado negro da dos EUA, servindo nesse papel sob a presdência George W Bush de 2001 a 2005. Ele atingiu o topo da carreira militar e diplomática, tendo partido de um início relativamente desfavorecido, nascido em Nova York de pais jamaicanos e criado no Sul do Bronx, onde foi educado em escolas públicas antes de entrar no exército por meio do programa de treinamento de oficiais universitários.
 
Em declaração, Joe Biden e primeira-dama, Jill Biden, disseram que estão "profundamente tristes com a morte de nosso querido amigo, um patriota de honra e dignidade incomparáveis"; e se referiram-se a Powell ter "repetidamente quebrado barreiras raciais [e] aberto caminho para outros".
 
Biden ainda disse sobre Powell:
 
"Ao longo de nossos muitos anos trabalhando juntos – mesmo em desacordo – Colin sempre foi alguém que lhe deu o seu melhor e tratou você com respeito. Colin encarnou os ideais mais altos de guerreiro e diplomata... tendo lutado em guerras, ele entendeu melhor do que ninguém que o poder militar sozinho não era suficiente para manter nossa paz e prosperidade ... Colin liderou com seu compromisso pessoal com os valores democráticos que tornam nosso país forte."
 
Powell ocupou posição militar superior no governo dos EUA como presidente do estado-maior conjunto entre 1989 e 1993. Nesse papel, ele presidiu crises militares, incluindo a invasão do Panamá em 1989 e a primeira guerra do Golfo em 1990-91.
 
Invasão e destruição do Iraque sob falsas alegações
 
Mas, foi no acúmulo da controversa invasão do Iraque em 2003 que Powell se tornou um nome familiar. Ele foi o rosto da tentativa agressiva da administração Bush de fazer com que a comunidade mundial apoiasse a invasão, baseada em falsas alegações de posse de armas de destruição em massa pelo Iraque.
 
"Saddam Hussein tem armas biológicas e desenvolve armas nucleares"
 
Em fevereiro de 2003, como secretário de Estado, Powell apresentou-se ao Conselho de Segurança da ONU e fez alegações categóricas de que o então líder iraquiano Saddam Hussein possuia armas biológicas e estava desenvolvendo armas nucleares. Afirmou que sua inteligência foi baseada em parte em relatos de desertores iraquianos não identificados.
 
A invasão do Iraque continuou sem autorização da ONU. Em 2004, o próprio Grupo de Estudos do Iraque da CIA divulgou um relatório que concluiu que Hussein havia destruído as últimas armas de destruição em massa do país uma década antes.
 
Powell deixou o cargo de secretário de Estado em novembro de 2004, após a reeleição de Bush. Mais tarde, ele insistiu aos repórteres que ele havia tentado alertar Bush sobre as consequências da invasão do Iraque, mas havia apoiado o presidente quando a decisão de prosseguir foi tomada.
 
Em uma declaração nesta 2ª feira, Bush chamou Powell de "um grande servidor público". Favorito dos presidentes, recebeu a Medalha Presidencial da Liberdade – duas vezes. Ele era altamente respeitado em casa e no exterior.
 
Dick Cheney, vice-presidente de Bush, que era um dos principais falcões no Iraque, declarou que trabalhar com Powell durante a primeira guerra do Golfo mostrou-lhe ...
 
"a dedicação de Powell aos EUA e seu compromisso com os bravos homens e mulheres, altruístas, que servem nosso país de uniforme. Colin era um pioneiro e modelo para muitos."
 
Tony Blair, que como primeiro-ministro britânico também apoiou a invasão do Iraque, chamou Powell de
 
"figura imponente na liderança militar e política americana ao longo de muitos anos. Ele inspirou lealdade e respeito... sua vida é um testemunho não apenas do serviço público dedicado, mas também de uma forte crença na vontade de trabalhar através da divisão partidária nos interesses de seu país."
 
Após seu tempo no governo, Powell permaneceu um comentarista extremamente influente sobre política e vida pública dos EUA. Ele ficou cada vez mais desiludido com a deriva direita do Partido Republicano.
 
Em 2008, apesar das rivalidades partidárias, ele apoiou Barack Obama para presidente e mais tarde se tornou um dos principais críticos de Donald Trump.
 
Nesta 2ª feira, 18.10, Obama disse que Powell "nunca negou o papel que a raça desempenhou em sua própria vida e em nossa sociedade de forma mais ampla. Mas ele também se recusou a aceitar que a raça limitaria seus sonhos", acrescentando que ele estava "profundamente agradecido" que Powell havia endossado.
 
Trump disse uma mentira de que Obama não havia nascido nos EUA e, em um momento em que os teóricos da conspiração sugeriam que Obama era muçulmano, Powell afirmou:
 
"A resposta correta é, ele não é muçulmano, ele é cristão. Mas a resposta certa é: "E se ele estiver?".
 
Powell votou contra Trump em 2016 e 2020 e foi contundente sobre republicanos que permaneceram em silêncio ou abraçaram ativamente as mentiras de Trump. Em janeiro, ele disse que estava tão enojado com a insurreição dos partidários de Trump no Capitólio dos EUA que já não se considerava republicano.
 
Powell, um sobrevivente de câncer de próstata, estava em tratamento para mieloma múltiplo, um câncer de células plasmáticas, quando contraiu Covid-19.
 
Este câncer de sangue torna extremamente difícil combater infecções, colocando-as em maior risco de coronavírus, e também torna os pacientes menos propensos a responder a vacinas.
 
Peggy Cifrino, chefe de gabinete de Powell, disse à CNN que ele também tinha mal de Parkinson.
 
O congressista democrata de Nova York Jamaal Bowman postou:
 
"Como um homem negro apenas tentando descobrir o mundo, Colin Powell foi uma inspiração. Ele era de Nova York, foi para a City College, e subiu para as mais altas fileiras da nossa nação. Enviando amor, força e oração para a família e amigos do Secretário Powell. Descanse no poder, senhor."
 
CONFIRA no NYT a íntegra da matéria em inglês


Fonte: NYT. Tradução e copidescagem da Redação JF. Imagem: Kenneth Lambert, da AP





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
ADEUS PRIVACIDADE - FBI revela extrair informações de WhatsApp I-Message e outros 7 Aplicativos de Mensagens 02/12/2021
ADEUS PRIVACIDADE - FBI revela extrair informações de WhatsApp I-Message e outros 7 Aplicativos de Mensagens
 
MESSI ganha a 7ª Bola de Ouro e se iguala a PELÉ 29/11/2021
MESSI ganha a 7ª Bola de Ouro e se iguala a PELÉ
 
VACINAS doadas à África têm curta validade e doações com pouca antecedência 29/11/2021
VACINAS doadas à África têm curta validade e doações com pouca antecedência
 
TAIWAN - A importância da indústria de Semi-Condutores para os EUA 28/11/2021
TAIWAN - A importância da indústria de Semi-Condutores para os EUA
 
ÔMICRON - Holanda tem 13 casos; Dinamarca e Austrália também confirmam casos 28/11/2021
ÔMICRON - Holanda tem 13 casos; Dinamarca e Austrália também confirmam casos
 
GAROTA AFEGÃ de Olhos Verdes, da National Geographic, resgatada para a Itália 25/11/2021
GAROTA AFEGÃ de Olhos Verdes, da National Geographic, resgatada para a Itália
 
SÍNDROME DE HAVANA - CIA ameaça e demoniza a Rússia 25/11/2021
SÍNDROME DE HAVANA - CIA ameaça e demoniza a Rússia
 
PONTE DA AMIZADE- Brasil e Paraguai acertam conclusão de Nova Ponte entre os 2 países 24/11/2021
PONTE DA AMIZADE- Brasil e Paraguai acertam conclusão de Nova Ponte entre os 2 países
 
DESAFIO - Navio de Guerra dos EUA volta a percorrer Estreito de Taiwan 23/11/2021
DESAFIO - Navio de Guerra dos EUA volta a percorrer Estreito de Taiwan
 
FÓRMULA 1 - Lewis Hamilton conquista Grande Prêmio do Catar 21/11/2021
FÓRMULA 1 - Lewis Hamilton conquista Grande Prêmio do Catar
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites