Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Internacional

12 de Junho de 2018 as 04:06:17



KIM JONG-UN e TRUMP assinam um Acordo. É o final da cúpula histórica



 
Kim Jong-un, líder norte coreano, e Donald Trump, presidente norteamericano, assinaram, nesta 3ª feira, 12.06, um acordo, ao final da cúpula histórica em Singapura. A cerimônia de assinatura aconteceu no hotel Capella, na ilha de Sentosa.
 
"Estamos assinando um documento detalhado e muito importante",
 
afirmou Trump, acrescentando que a assinatura do mesmo exigiu muitos esforços, e muita "boa vontade". 
 
Kim Jong-un, por sua vez, qualificou a assinatura do documento como "um novo início" nas relações entre os dois países, e prometeu "grandes mudanças" no futuro.
 
"A assinatura deste documento histórico […] é o anúncio de um novo começo. Veremos grandes mudanças",
 
assinalou Kim Jong-un durante a cerimônia de assinatura do documento, cujo conteúdo ainda não foi divulgado. A despeito disso, a imprensa internacional divulga o pouco que se sabe:
 
- A Coreia do Norte compromete-se a trabalhar para a “completa desnuclearização da península”;
 
- EUA e Coreia do Norte se comprometem a recuperar e repatriar restos mortais de prisioneiros da Guerra da Coreia;
 
- Ambos os Países irão “construir um duradouro e estável regime de paz” na Península Coreana;
 
- Os dois líderes também se comprometeram a estabelecer novas relações entre os EUA e a Coreia do Norte;
 
- Os EUA se comprometeram a dar "garantias de segurança" à Coreia do Norte;
 
- O Secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, deverá se reunir "na data mais próxima possível" com um alto funcionário norte-coreano para continuar o diálogo bilateral sobre a desnuclearização.
 
A assinatura do Acordo deu-se após 2h30 de reunião entre as duas delegações, após o que os dois líderes almoçaram juntos, coroando o encontro.
 
Trump afirmou ter muito orgulho nos resultados da cúpula. 
 
"Estamos muito orgulhosos naquilo que aconteceu hoje, [os dois lados]  conseguiram resolver um problema grande e ameaçador".
 
Depois da assinatura do documento, Trump indicou que, a partir de agora, as relações entre os dois países se encontram em uma situação completamente diferente.
 
"Acho que nossas relações com a Coreia do Norte […] agora se encontram em uma situação completamente diferente"
 
afirmou Trump,  que também afirmou estar pronto para convidar Kim Jong-un para visitar a Casa Branca. 
 
A assinatura do documento concluiu a primeira cúpula da história entre a Coreia do Norte e os EUA, em Singapura. 
 
 


Fonte: SPUTINIK com copidescagem da Redação JF, Estadão e a imprensa internacional





Indique a um amigo     Imprimir    Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


 Outras notícias.
26/09/2012
DILMA NA ONU - Presidenta intercede por brasileiro condenado à morte na Indonésia junto ao presidente Yudhoyono
 
26/09/2012
DILMA NA ONU - "Países latino-americanos têm sido firmes na busca por integração e democracia"
 
26/09/2012
SÍRIA - Egito opõe-se a intervenção militar na Síria
 
26/09/2012
DILMA NA ONU - Presidente defende reforma do Conselho de Segurança da ONU
 
DILMA NA ONU - Presidenta critica os EUA e nega protecionismo brasileiro 25/09/2012
DILMA NA ONU - Presidenta critica os EUA e nega protecionismo brasileiro
 
URÂNIO - Duas toneladas 'material sólido' encontradas em garagem em La Paz 29/08/2012
URÂNIO - Duas toneladas 'material sólido' encontradas em garagem em La Paz
 
28/08/2012
Alemanha e França anunciam criação de GT para avaliar a crise européia
 
28/08/2012
CHINA - Estimativa governamental de crescimento do PIB em 7,5% em 2012.
 
28/08/2012
CHINA - Estimativa governamental de crescimento do PIB em 7,5% em 2012.
 
19/08/2012
Governo dos EUA acusa Iraque de fluxo subterrâneo de recursos ao Irã
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites
JORNAL FRANQUIA - Todos os direitos reservados 2009