Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Investimentos

Sábado, Dia 08 de Maio de 2021 as 02:05:44



BRADESCO | ESG - Resultado no 1º trimestre/2021: Lucro Líquido de R$ 6,5 BI



BRADESCO | ESG - Resultado no 1º trimestre/2021
 
Um “bancão” com ímpeto digital
 
O Bradesco entregou um resultado sólido no 1T21, com lucro líquido atingindo R$ 6,5 bilhões, equivalente a um ROE anualizado de 18,1%, favorecido por uma boa margem financeira, queda expressiva na despesa com provisões e um rígido controle de despesas. 
 
Perspectivas. 
 
Em nossa visão, o Bradesco emerge da pandemia com grande desenvoltura, entregando números que atestam a capacidade de adaptação ao ambiente de competitividade que se acirra. Salientamos ainda que ao plugar múltiplas iniciativas de crescimento por meio de plataformas digitais e parcerias como Ágora, Next e Bitz, o Bradesco reforça que é um “bancão com escala” em busca de ainda mais escala. 
 
Pelo lado do crédito, embora tenha mostrado ligeiro incremento na inadimplência, salientamos que o movimento já era aguardado e consideramos o nível de cobertura do banco plenamente satisfatório para navegar no contexto de deterioração da carteira que se avizinha. 
 
O anúncio do programa de recompra de ações e a provável retomada do pagamento de dividendos em linha com o histórico após a retirada da restrição por parte do banco central conferem uma “cereja no bolo” ao acionista já no curto prazo. Até incorporarmos os resultados em uma iminente revisão de preço, mantemos nosso preço-alvo em R$ 26,30 e a recomendação de compra. 
 
Mais sobre o resultado.
 
Os destaques positivos ficaram por conta da boa margem financeira, que apesar da queda trimestral por conta da margem com o mercado ficou 7,4% acima do volume registrado um ano antes, favorecido por um volume total da carteira mais do que compensando a queda do spread no período. Além disso, a PDD também recuou significativamente frente ao 4T20. 
 
Ainda no campo positivo, o resultado de seguridade mostrou forte recuperação frente ao 4T20, embora a linha ainda opere com volatilidade ao sabor da maior ou menor abertura econômica no contexto da pandemia.
 
Por fim, as despesas operacionais encolheram tanto na comparação trimestral quanto anual, e continuam sendo um dos destaques nos números do banco, mostrando uma excelente disciplina de custos. 
 
Do lado negativo, as receitas de serviços encolheram, refletindo, em especial, as condições de crescente competitividade nas linhas conta-corrente e crédito, enquanto as pressões nos mercados de cartões e gestão de ativos estiveram mais ligadas a questões mercadológicas do período.
 
Por fim, a inadimplência no Bradesco se elevou a 2,5%, de 2,3% no 4T20, puxada principalmente pelas pessoas físicas e MPEs, registrando a primeira deterioração na carteira entre os bancos que divulgaram resultados - movimento amplamente esperado devido ao contexto de redução dos programas de auxílio e exaustão dos prazos de carência para os empréstimos prorrogados e renegociados. 
 
Confira no anexo a íntegra do relatório a reseito, elaborado por
RAFAEL REIS, analista senior do BB INVESTIMENTOS

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: RAFAEL REIS, analista senior do BB INVESTIMENTOS





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
AGRONEGÓCIOS, ALIMENTOS & BEBIDAS - Relatório de Desempenho - Junho/2021 09/06/2021
AGRONEGÓCIOS, ALIMENTOS & BEBIDAS - Relatório de Desempenho - Junho/2021
 
FUNDOS IMOBILIÁRIOS - Desempenho em Maio-Junho/2021 08/06/2021
FUNDOS IMOBILIÁRIOS - Desempenho em Maio-Junho/2021
 
VAREJO E SHOPPINGS - Relatório Setorial de Junho/2021: Positivo, Forte Alta na B3 05/06/2021
VAREJO E SHOPPINGS - Relatório Setorial de Junho/2021: Positivo, Forte Alta na B3
 
GUIA DE AÇÕES, 04.06.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 04/06/2021
GUIA DE AÇÕES, 04.06.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
GUIA DE AÇÕES, 02.06.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 02/06/2021
GUIA DE AÇÕES, 02.06.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
ULTRAPAR -  A Venda da Extrafarma 02/06/2021
ULTRAPAR - A Venda da Extrafarma
 
IOCHPE-MAXION  -  Resultado no 1º Trimestre/2021: POSITIVO 02/06/2021
IOCHPE-MAXION - Resultado no 1º Trimestre/2021: POSITIVO
 
MARFRIG - Aquisição de participação relevante na BRF 02/06/2021
MARFRIG - Aquisição de participação relevante na BRF
 
GUIA DE AÇÕES, 01.06.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 01/06/2021
GUIA DE AÇÕES, 01.06.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
GUIA DE AÇÕES, 31.05.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 31/05/2021
GUIA DE AÇÕES, 31.05.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites