Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Investimentos

12 de Maio de 2021 as 23:05:18



KLABIN | ESG - Resultado no 1º Trimestre/2021: Crescimento.



KLABIN | ESG - Resultado no 1º Trimestre/2021
 
Resultados mostram crescimento, mas expectativas para celulose arrefecem
 
Consideramos os resultados da Klabin do 1T21 positivos, com números em linha com nossas expectativas e, mais uma vez, mostraram a resiliência de sua operação e seu preparo para se aproveitar das oportunidades trazidas pelos diferentes cenários de mercado.
 
A companhia renovou o recorde trimestral de receita líquida, que atingiu ~R$ 3,5 bilhões (+34% a/a), refletindo aumento de volumes (7,0% a/a), reajuste de preços em todas as linhas de negócio e a desvalorização cambial. 
 
Apesar de custos mais altos e dos efeitos da ampliação da parada para manutenção em uma de suas unidades, o EBITDA ajustado cresceu 22% a/a, para R$ 1,3 bilhão (margem de 37%, -3 p.p sobre o 1T20). O lucro líquido foi de R$ 420 milhões, versus prejuízo de R$ 3,1 bilhões no 1T20, em função do forte impacto da variação cambial sobre as dívidas em moeda estrangeira no período. Apesar disso, por ter acumulado prejuízo em 2020, a empresa ainda não distribuirá dividendos neste trimestre. 
 
A companhia novamente aproveitou o bom momento do mercado brasileiro de papéis e embalagens, que segue com demanda aquecida, principalmente pela expansão do ecommerce e pelo forte consumo de embalagens de alimentos incluindo proteínas e frutas para exportação. 
 
Vale citar que os números do 1T21 consideram a integração dos ativos de papelão ondulado adquiridos da International Paper, que contribuiu para o aumento de market-share para 24% (vs. 17% antes da aquisição). O aumento de demanda e de preços de kraftliner no exterior, sobretudo nos EUA, continuaram possibilitando o repasse de preços tanto no mercado interno, como nas exportações. 
 
Em celulose, a empresa também se beneficiou de sua atuação diversificada em fibra curta, fibra longa e fluff, que continuaram apresentando preços crescentes, principalmente nos embarques das commodities para a China, mas os preços médios registrados foram um pouco abaixo de nossas estimativas. 
 
Investimentos, nova máquina Puma II e alavancagem. 
 
Os investimentos totalizaram ~R$ 800 milhões no 1T21, dos quais cerca de R$ 500 milhões foram destinados ao projeto Puma II, cujas obras atingiram 88%. A previsão de inauguração permanece para julho/21 e a empresa já comercializou, via contratos, 60% da produção de Eukaliner (primeiro kraftliner feito de fibra de eucalipto). 
 
Ainda com relação ao Projeto, o destaque fica para a mudança de escopo da segunda máquina, que inicialmente seria de kraftliner, para papel cartão, e que demandará investimentos adicionais de R$ 2,6 bilhões, a serem financiados pela geração de caixa e linhas de financiamento já disponíveis para saque.
 
Após identificar uma aceleração da tendência de substituição de plásticos por papel, principalmente de fibra virgem para alimentos e bebidas, como os produzidos pela empresa, a Klabin anunciou que pretende ampliar sua capacidade nessa linha, prevista para inaugurar em 2023. 
 
Ainda assim, continua otimista com o segmento de kraftliner e deverá realizar investimentos nesse tipo de papel em outras unidades, de forma a se consolidar como um dos três maiores players mundiais no mercado de kraftliner de fibra virgem no futuro.
 
Com relação ao endividamento, a dívida líquida de R$ 21,7 bilhões representa um aumento de R$ 2 bilhões t/t, mas uma manutenção do nível de alavancagem dívida líquida/EBITDA em US$ de 4,0x. 
 
Desempenho das ações e perspectivas. 
 
As ações da Klabin acumulam alta de 4,4% em 2021, após recuarem 7,7% no último mês. Acreditamos que o fraco desempenho esteja principalmente relacionado à expectativa de estabilização de preços de celulose, dado que os incrementos significativos dos últimos meses não deverão se repetir. 
 
Ainda assim, acreditamos que a empresa continuará a entregar bons resultados nos próximos períodos, podendo ser potencializados pelo segmento de papel no segundo semestre, após a entrada em operação da primeira fase do projeto Puma II.
 
Além disso, seguimos confiantes de que a empresa seguirá se renovando para manter sua competitividade e posição de liderança nos setores de atuação e em novos negócios no futuro.
 
Assim, mantemos nosso preço-alvo 2021e para KLBN11 de R$ 28,00/ação, com recomendação Neutra.
 
Confira no anexo a íntegra do relatório a respeito, elaborado por MARY SILVA, analista senior do BB Investimentos

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: BB INVESTIMENTOS





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
AGRONEGÓCIOS, ALIMENTOS & BEBIDAS - Relatório de Desempenho - Junho/2021 09/06/2021
AGRONEGÓCIOS, ALIMENTOS & BEBIDAS - Relatório de Desempenho - Junho/2021
 
FUNDOS IMOBILIÁRIOS - Desempenho em Maio-Junho/2021 08/06/2021
FUNDOS IMOBILIÁRIOS - Desempenho em Maio-Junho/2021
 
VAREJO E SHOPPINGS - Relatório Setorial de Junho/2021: Positivo, Forte Alta na B3 05/06/2021
VAREJO E SHOPPINGS - Relatório Setorial de Junho/2021: Positivo, Forte Alta na B3
 
GUIA DE AÇÕES, 04.06.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 04/06/2021
GUIA DE AÇÕES, 04.06.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
GUIA DE AÇÕES, 02.06.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 02/06/2021
GUIA DE AÇÕES, 02.06.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
ULTRAPAR -  A Venda da Extrafarma 02/06/2021
ULTRAPAR - A Venda da Extrafarma
 
IOCHPE-MAXION  -  Resultado no 1º Trimestre/2021: POSITIVO 02/06/2021
IOCHPE-MAXION - Resultado no 1º Trimestre/2021: POSITIVO
 
MARFRIG - Aquisição de participação relevante na BRF 02/06/2021
MARFRIG - Aquisição de participação relevante na BRF
 
GUIA DE AÇÕES, 01.06.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 01/06/2021
GUIA DE AÇÕES, 01.06.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
GUIA DE AÇÕES, 31.05.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir 31/05/2021
GUIA DE AÇÕES, 31.05.2021: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convém investir
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites