Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Internacional

06 de Junho de 2019 as 03:06:13



IRÃ não abandonará Programa de Mísseis, diz aiatolá Ali Khamenei


Ali Khamenei, aiatolá e "lider supremo" do Irã
Trump rejeitou o acordo nuclear assinado por Barack Obama, por considerá-lo falho por não ser permanente e não cobrir o programa de mísseis balísticos iraniano
 
 
O líder supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei, disse na 3ª feira, 04.06, que o país não será "enganado" pela oferta de negociação do presidente dos EUA, Donald Trump, e não abandonará seu programa de mísseis.
 
O confronto entre o Irã e os EUA piorou no mês passado, um ano depois de Washington abandonar um acordo entre o Irã e potências globais para conter seu programa nuclear, em troca da suspensão de sanções internacionais.
 
Trump rejeitou o acordo nuclear, assinado por seu antecessor Barack Obama, considerando-o falho por não ser permanente e não cobrir o programa de mísseis balísticos iraniano e o papel do país em conflitos do Oriente Médio. O presidente norte-americano, no entanto, pediu ao país que se sente à mesa de negociação para chegar a novo acordo.
 
Na semana passada, Trump disse que o Irã
 
"tem chance de ser um grande país, com a mesma liderança. Não estamos buscando uma mudança de regime. Só quero deixar isso claro. Queremos que não haja armas nucleares."
 
Reagindo a esses comentários, Khamenei afirmou, em discurso transmitido na TV estatal:
 
"O presidente dos EUA disse recentemente que o Irã pode alcançar o desenvolvimento com seus líderes atuais. Isso significa que eles não buscam uma mudança de regime, mas esse truque político não enganará as autoridades iranianas e a nação iraniana."
 
"No programa de mísseis, eles sabem que chegamos a um ponto de dissuasão e estabilidade. Querem nos privar disso, mas jamais conseguirão",
 
disse Khamenei em cerimônia que lembrou o 30º aniversário da morte do aiatolá Ruhollah Khomeini, fundador da República Islâmica do Irã.
 
O presidente Hassan Rouhani, que adotou postura mais branda, indicou na semana passada que o Irã poderia estar disposto a conversar se os EUA lhe mostrassem respeito e suspendessem sanções


Fonte: AGENCIA BRASIL

 
Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
22/08/2019
"MENTIRAS de BOLSONARO não mudam os fatos", declara prefeito de NY, Bill de Blasio
 
GROELÂNDIA - 22/08/2019
GROELÂNDIA - "Nojenta" a declaração da Premiê da Dinamarca, diz TRUMP
 
CRISE ARGENTINA Macri retira impostos sobre alimentos da Cesta Básica 16/08/2019
CRISE ARGENTINA Macri retira impostos sobre alimentos da Cesta Básica
 
COREIA DO NORTE dispara mais mísseis, agora de curto alcance 16/08/2019
COREIA DO NORTE dispara mais mísseis, agora de curto alcance
 
HONG KONG Manifestantes voltam a protestar 18/08/2019
HONG KONG Manifestantes voltam a protestar
 
PETROLEIRO IRANIANO liberado deixa Gibraltar, afronta ao Depto de Justiça Imperial 19/08/2019
PETROLEIRO IRANIANO liberado deixa Gibraltar, afronta ao Depto de Justiça Imperial
 
Depto de Justiça dos EUA emite mandato de apreensão de petroleiro do Irã em Gibraltar 18/08/2019
Depto de Justiça dos EUA emite mandato de apreensão de petroleiro do Irã em Gibraltar
 
TRUMP quer que a China 17/08/2019
TRUMP quer que a China "resolva o problema de forma humana".
 
ELEIÇÕES - ARGENTINA vai às urnas em eleições gerais primárias 11/08/2019
ELEIÇÕES - ARGENTINA vai às urnas em eleições gerais primárias
 
CHINA importa petróleo do IRÃ apesar de sanções dos EUA 08/08/2019
CHINA importa petróleo do IRÃ apesar de sanções dos EUA
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites