Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Justiça

12 de Maio de 2020 as 19:05:35



INCORPORADORAS Prévias do Resultado do 1º Trimestre/2020



INCORPORADORAS - Prévias de Resultados do 1º Trimestre/2020
 
Em 2019, a construção interrompeu uma sequência de cinco anos de quedas consecutivas no PIB do setor e registrou crescimento de 1,6%. Também, foi um dos setores com melhor desempenho na bolsa brasileira.
 
Dessa forma, o setor iniciou 2020 com perspectivas otimistas. A inflação baixa, a melhora na confiança do consumidor, a queda do desemprego e o aumento da disponibilidade de crédito sinalizavam que a recuperação do cenário macroeconômico doméstico poderia acelerar neste ano e, consequentemente, manter a boa performance do segmento.
 
Entretanto, vimos o cenário mudar com a chegada da pandemia do Covid-19 ao Brasil ao longo do primeiro trimestre, quando o ciclo de recuperação do mercado imobiliário foi interferido pelas incertezas sobre o rumo do país.
 
Nesse sentido, em atendimento aos decretos de estados e municípios, que instituíram a suspensão do comércio não essencial, os estandes e lojas das construtoras foram fechados, diminuindo drasticamente as vendas do setor enquanto os decretos estiverem vigentes. Por outro lado, a construção civil, considerada como atividade essencial pela maioria dos governos, mantém cerca de 90% dos canteiros de obras em funcionamento.
 
Em consequência, as construtoras vêm adotando medidas no sentido de diminuir os efeitos causados pelo Covid-19, como: (i) suspensão e/ou reavaliação do cronograma de lançamentos, (ii) adoção do protocolo de mitigação de riscos de contágio da Covid-19 nas obras autorizadas a continuar, (iii) atividades corporativas em home office, (iv) lojas fechadas com vendedores fazendo uso de ferramentas digitais e (v) plataformas online para concretizar as vendas.
 
Além disso, os bancos – capitaneados pela CEF que representa cerca de 70% do mercado de crédito imobiliário no Brasil – também anunciaram medidas com intuito de atenuar os impactos sofridos por construtoras e compradores, entre elas:
 
Para as construtoras: (i) prazo de carência de 180 dias para o início do pagamento na contratação de recursos para novos empreendimentos, (ii) antecipação de 20% do crédito para início de novos empreendimentos, (iii) antecipação de até três mensalidades de recursos já contratados para obras que já estavam em andamento, (iv) liberação de recursos de financiamento dentro do limite do tomador, mas ainda não utilizados, (v) aval para mudança no cronograma das obras, sem cobrança de encargos e (vi) possibilidade de pagamento parcial das parcelas do financiamento.
 
Para os compradores de imóveis: (i) prazo de carência de 180 dias para o início do pagamento na contratação de recursos para a compra de um imóvel, (ii) possibilidade de pagamento parcial das parcelas do financiamento e (iii) suspensão dos pagamentos por três meses, com o valor dessas parcelas incorporado ao saldo devedor.
 
Com relação às empresas do nosso universo de cobertura, acreditamos, de forma geral, que as companhias que atuam no segmento Minha Casa Minha Vida (MCMV) devem ser menos impactadas pela pandemia, uma vez que a dinâmica de vendas para o segmento baixa renda se dá de forma diferenciada em relação à do segmento de média e alta renda. No entanto, essa é apenas uma das premissas que influenciam os resultados.
 
Confira no anexo a íntegra do relatório de análise do mercado de empresas INCORPRADORAS, elaborado por KAMILA OLIVEIRA, analista senior do BB Investimentos

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: KAMILA OLIVEIRA, analista senior do BB Investimentos





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
INCORPORADORAS Prévias do Resultado do 1º Trimestre/2020 12/05/2020
INCORPORADORAS Prévias do Resultado do 1º Trimestre/2020
 
TRF4 confirma condenação de LULA no processo do Sítio de Atibaia 27/11/2019
TRF4 confirma condenação de LULA no processo do Sítio de Atibaia
 
STF Ministro FUX libera para julgamento o processo contra DALAGNOL no CNMP 19/11/2019
STF Ministro FUX libera para julgamento o processo contra DALAGNOL no CNMP
 
MP - Decisão de Toffoli sobre Dados Financeiros suspende 935 ações 18/11/2019
MP - Decisão de Toffoli sobre Dados Financeiros suspende 935 ações
 
STF derruba a Prisão após 2ª Instância com votação de 6 x 5 07/11/2019
STF derruba a Prisão após 2ª Instância com votação de 6 x 5
 
CONDOMÍNIO DO BOLSONARO - Porteiro vai levando a Culpa 30/10/2019
CONDOMÍNIO DO BOLSONARO - Porteiro vai levando a Culpa
 
GILMAR MENDES manda soltar GAROTINHO e ROSINHA 31/10/2019
GILMAR MENDES manda soltar GAROTINHO e ROSINHA
 
PROCURADORA do DF pede Absolvição de LULA  e DILMA 18/10/2019
PROCURADORA do DF pede Absolvição de LULA e DILMA
 
TRF2 permite a TEMER  sair do Brasil para palestra na Inglaterra 10/10/2019
TRF2 permite a TEMER sair do Brasil para palestra na Inglaterra
 
FACHIN manda soltar ex-gerente da Petrobras preso na Lava Jato 03/10/2019
FACHIN manda soltar ex-gerente da Petrobras preso na Lava Jato
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites